Gaia recebe a grande festa da música portuguesa

A música portuguesa é claramente o destaque principal da programação cultural de Gaia para o ano de 2012. A aposta do Pelouro da Cultura em aproximar os músicos portugueses do seu público é o fio condutor para uma agenda heterogénea na forma e no conteúdo, tendo por pano de fundo locais emblemáticos de Gaia, como o convento Corpus Christi, recentemente classificado como património nacional pelo Igespar, ou o recuperado Cine-teatro Eduardo Brazão, no qual se destacam as obras de José Emídio e José Rodrigues, ou ainda a Serra do Pilar, mesmo junto a esse Mosteiro que é Património Mundial da Humanidade e local daquela que é considerada uma das mais belas vistas do mundo.
A música portuguesa não se compadece de constrangimentos tantas vezes invocados, como a pequena dimensão do mercado ou as grandes dificuldades que todos vivemos. A música portuguesa floresce, alheia a adversidades. A criatividade dos nossos músicos não entra em crise! E não há-de esta cornucópia criativa ser celebrada? É o que se pretende em Gaia, que a música portuguesa ecoe por toda a Área Metropolitana do Porto e não só.
Jorge Palma abriu o ano musical com um espectáculo de casa cheia. O Auditório Municipal foi mesmo muito pequeno para todos os seus fãs.
Outros grandes espectáculos estão a caminho. Rita Guerra (16 Fevereiro) abre o ciclo “Íntimo no Feminino”, que levará também ao Cine-Teatro Eduardo Brazão, Mísia (8 Março), Teresa Salgueiro (12 Abril) e Né Ladeiras (10 Maio).
Manuela Azevedo, com os seus Clã vão estar à conversa, no Convento Corpus Christi (8 Março), dando música pelo meio. São os primeiros grandes nomes do “Conta-me histórias” um programa/ciclo de grande cumplicidade entre os artistas e o público. Uma conversa animada, um concerto acústico e uma master-class. Cada espectador sairá destes eventos com uma experiência diferente, enriquecedora, mas sempre com uma boa história para contar. Aos Clã seguem-se Rita Redshoes (5 Abril, Auditório Municipal), Mafalda Veiga (20 Abril, Auditório Municipal), Algodão/Pac Man (4 Maio, Auditório Municipal), Bernardo Sassetti (18 Maio, Eduardo Brazão), Luísa Amado (a mulher de Carlos Paredes) com Victor de Sousa (1 Junho, Corpus Christi), Mazgani (14 Junho, Corpus Christi), Old Jerusalem (22 Junho, jardins Casa Barbot) e com mais nomes a anunciar oportunamente.
Rui Veloso (6 Julho) e Luís Represas/João Gil (29 Junho) sobem à Serra do Pilar para noites de animação, onde serão percorridos os grandes êxitos da carreira destes músicos. Estes “Concertos de Verão – Serra do Pilar” trarão também a esse palco monumental os britânicos Echo and The Bunnymen (30 Junho) e os Manfred Mann (7 Julho), conferindo uma dimensão internacional e de impacto turístico a esta programação.
As “Noites de Jazz e Blues de Gaia” vão decorrer no Auditório Municipal e contarão com a voz jazzista de Mónica Ferraz (27 Abril) e os blues de Indiana Blues Band (28 Abril). Deste cartaz faz também parte o jazz dos belgas Ivan Paduart Trio (27 Abril) e a excelente cantora de blues britânica Connie Lush que nos visita com a sua banda.
Em todos os eventos haverá descontos significativos para os detentores do Passaporte Cultural no valor do ingresso! A obtenção do Passaporte Cultural de Gaia poder ser feita, sem qualquer custo, a qualquer altura ou aquando da aquisição dos bilhetes de acesso para qualquer espectáculo mas sempre na Casa Barbot/Casa da Cultura.

Anúncios
por noticiasdegaia Publicado em Cultura

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s