Mais uma morte na N222

Esta manhã, a Estrada Nacional 222 foi palco de mais um atropelamento mortal. Desta vez, um homem foi atropelado e não resistiu.

A vítima, de 52 anos, atravessou a nacional e um veiculo deu-lhe um toque num braço. Com este toque, o homem foi empurrado para a outra faixa, tendo sido atropelado por um segundo carro que vinha na direcção oposta.

Uma vez mais, um cidadão perde a vida numa estrada que está marcada por dezenas e dezenas de mortes.

Anúncios

9 comentários a “Mais uma morte na N222

  1. EN 222 – Pelo nome, não conheco. Já estou fora do meu Norte há algumas décadas… Não será possível e Passível de sinalizar essa estrada de uma forma racional, que acabe com esses Mórbidos Desastres? Como, por exemplo: Passadeiras de peões, colocadas estrategicamente; sinais luminosos; limites de velocidade mais baixas, em zonas de casas e/ou caminhos convergentes; …..

  2. Passei de manhã e vi o corpo no chão! Esta estrada é muito perigosa, mas pelo que vi, o Sr atravessou a rua fora da passadeira. Facilitam e depois acontecem as desgraças!!!

  3. Não sei a quem poderá ser imputada a culpa desta morte, mas como condutor verifico que há peões que distraidamente e descontraidamente se esquecem que só nas passadeiras se devem atravessar as ruas principalmente as de maior movimento como é o caspob da EN222 e que os passeios foram feitos para os peões, e muitas vezes há quem ande a par ou até a três na via sem se importarem com o passeio vazio alí ao lado, só que não dá para ir a conversar a par. Haja mais responsabilidade, mais civismo e educação de ambas as partes.

  4. aa estrada nao e prigosa ,mas sim os condutores eu mora mesmo ao lado de uns semafros,e a muitos condutores,k noa os respeitam o vermelho sendo assim o vermelho e para andar e o verde e para parar nao pode ser assim condutores de fim de semana isto e a nossa 222……….

  5. Pena que em todos os lugares isso acontece;;;;;;Em Portugal e pior que em qualquer outro Pais
    mas a falta de civismo e respeito vem dos dois lados:Comdurores e Peoes !!!!!! ninguem respeita o proximo !!! Ha uma cancao que teinha por titulo!! O tempo volta para tras isso nao canto mas sim Salazar volta e tras o Americo e o Lardeal Cergeira fasem ai muita falta!!!pena tenho do nosso Portugal comecando pelos grandes ;;;;todos teeem cadastro……mesmo com desgosto continuo Portugues

  6. Eu mesma passo nesta estrada todos os dias áquela hora, por isso também vi o corpo no chão. Garanto que me dá medo passar lá de carro, pois os peões atravessam de qualquer maneira, muitas vezes sem se importarem com os carros. áquela hora a visibilidade é muito reduzida e um peão sem colete refletor é quase imperceptível e muito mais quando fora da passadeira uma vez que a luminosidade é bastante fraca. O civismo e a cautela são a base de tudo.

  7. Os acidentes nesta movimentada estrada continuarão enquanto a luminosidade fraca se mantiver assim. As passadeiras junto ao café Parquipão e no Café do Pereira deveriam ser alteradas, i.é., mais visíveis e, junto destas um sinal de recomendação a assinalar a travessia de peões. Em vez de se gastar tinta para os estacionamentos nas ruas de Gaia e colocação de tantos e tantos parquímetros, e com tantos inspectores a multar, tornando Gaia uma vila cada vez mais repulsiva, seria mais útil os nossos autarcas gaienses, que agora tornaram-se ARRUMADORES, poderiam prestar mais atenção ao que se está a passar nesta estrada. É tempo de acabar com a exploração dos sentimentos dos familiares das inúmeras vítimas mortais e passar à acção.
    Sérgio Gil

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s